Assine Receba Nossas Atualizações.

sábado, 10 de novembro de 2012

Toda vez que eu voltar no pajeú

,


E a saudade da terrinha fez a poetisa Mariana Véras dizer:

Eu cacei no baú minha lembrança
Minhas tardes de chuva no terreiro
Conversava com vó o dia inteiro
No meu tempo inocente de criança
Já fiz arte, fiz raiva, fiz cobrança
Já vi rio secar no sol queimando
Vi enchente no rio transbordando
Guardo tudo de bom nesse baú
Toda vez que eu voltar no pajeú
Vou chorar de saudade me lembrando

Mariana Véras


Fonte: Decanto de poetas.

0 comentários to “Toda vez que eu voltar no pajeú”

Postar um comentário

Obrigado por nos dar sua visita ela é muito importante para nós.
obrigado e volte sempre

 

SEGUIDORES DO G+

Seguidores

FACEBOOK

Agroecologia News Copyright © 2011 | Template design by JP DESIGN - Criação de Arte Digital | Powered by Blogger Templates