Assine Receba Nossas Atualizações.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

BUQUÊ DO MATO

,


Buquê do mato tem cravo
Tem fulô de manacá
Tem talo de marmeleiro
Açucena e jatobá
E basta o vento assoprar
Uns dois dedinhos de vento
Que todo enxerimento
Quer nele se enfiar.

Vê-se farelo de beijo
Que esborra dos beijar
Lindosos brincos que brincam
De ser moça e namorar
Sagradice de desejo
Dexovê de qual o tipo...
Do tipo de nenhum tipo
Que se pode imaginar.

Tem um céu azul-profundo
Um pó de arroz a voar
Goodbye de mentirinha
Mode o orgulho quebrar
Blusa de xita no pelo
E três tufos de cabelo
Que loirejam qualquer mar.

Um bordado de caçola
Que ameiga o coração
O gráfico de um olhar
Num preto e branco em retrato
Se ver num buquê do mato
Do mato do meu sertão.

Jessier Quirino

0 comentários to “BUQUÊ DO MATO”

Postar um comentário

Obrigado por nos dar sua visita ela é muito importante para nós.
obrigado e volte sempre

 

SEGUIDORES DO G+

Seguidores

FACEBOOK

Agroecologia News Copyright © 2011 | Template design by JP DESIGN - Criação de Arte Digital | Powered by Blogger Templates